Cogmed nas Escolas

Conceitos e aplicação do Cogmed no ambiente estudantil

Memória Operacional

Por que ela é tão importante? A memória operacional ou memória de trabalho é responsável por manter e organizar as informações, sejam elas recentes ou armazenadas há algum tempo, e permite que essas informações sejam utilizadas durante o raciocínio.

Por estar relacionada à capacidade de concentração e foco, ela é essencial para o aprendizado e outras habilidades fundamentais para o desenvolvimento nos estudos, no trabalho ou em atividades cotidianas.

Se seus alunos apresentam alguma dificuldade em uma ou mais dessas situações, pode ser que tenha um déficit na sua memória operacional.

Controle de Atenção

Ao ler um livro, é preciso lembrar do que já leu para entender o que ainda está lendo.

Lembrar Instruções

Quando precisa lembrar de instruções como receitas ou caminhos enquanto executa a ação.

Organizar Informações

Quando aprende um novo conteúdo e tem que integrar as novas informações ao conhecimento anterior.

Foco

Quando precisa focar em uma tarefa ou algo que não é exatamente do seu interesse.

Concentração

Quando precisa se concentrar sem se distrair com estímulos irrelevantes (como barulho da TV ou de carros na rua)

Raciocínio Complexo

Quando faz um cálculo e precisa manter todas as partes de um número na memória ou durante aulas e palestras em que é preciso anotar pontos importantes do que é falado.

O que um déficit na memória operacional pode causar?

  • Dificuldade de atenção, concentração e foco

  • Dificuldade de aprendizagem
  • Problemas escolares

Com o tempo , o acúmulo de oportunidades de aprendizagem perdidas tendem a atrasar o progresso educacional e gerar resultados acadêmicos ruins.

Estudos comprovam que 10% a 15% de todos alunos têm dificuldades de aprendizagem, esses alunos ficam abaixo da média em todas as áreas do aprendizado.

A memória é crucial para matemática, compreensão de textos, resolução de problemas complexos e testes.

Confira a atuação da memória operacional no aprendizado:

Como levar o Cogmed à minha escola?

Por meio de um Centro de Serviço Cogmed, certificando como tutores os professores da escola

A escola negociará junto ao Centro de Serviço para que seus profissionais façam o curso de tutor (treinamento presencial com duração de oito horas em data preestabelecida) e se certifiquem para fazer a aplicação.

Em seguida, a escola fará a aquisição de um número específico de licenças para atender todos os alunos que forem participar do programa e já podem começar a fazer as aplicações dos treinamentos Cogmed. É importante ressaltar que a escola se responsabilizará por toda a estrutura necessária para a aplicação: computadores, internet, etc.

A maior vantagem dessa opção é a de disponibilizar o Cogmed para alunos que não poderiam conseguir acesso ao programa de outra forma.

Por meio de um Tutor Particular ou de Centro de Serviço Cogmed

A escola negociará junto ao tutor particular ou mesmo ao Centro de Serviço para que a aplicação do treinamento Cogmed nos usuários seja feita dentro da escola. Nesse caso, o profissional Cogmed é geralmente um psicólogo, fonoaudiólogo ou um especialista clínico similar com experiência em ajudar alunos que apresentam dificuldades. É importante ressaltar que, para que o treinamento ocorra na escola, é necessário que ela tenha toda a estrutura necessária: computadores, internet, etc.

Por meio de encaminhamento da família do usuário Cogmed para algum Centro de Serviço ou Tutor Particular

A escola pode desempenhar um papel muito importante ao identificar a necessidade do treinamento de memória operacional em determinados alunos e então recomendar às suas famílias um Centro de Serviço ou Tutor Particular para realizar a aplicação do Cogmed.

Nesse caso, o treinamento é oferecido por um profissional certificado pelo Cogmed, que é geralmente um psicólogo, fonoaudiólogo ou um especialista clínico similar com experiência em ajudar alunos que apresentam dificuldades.

A negociação do programa é realizada diretamente dos Centros de Serviço particulares, com as famílias dos usuários. O treinamento é realizado na casa do usuário que também deve ter a estrutura necessária: computadores, internet, etc.